23 de março de 2019

MAIS VOCÊ

NOS PÊNALTIS, CRESOL/MARRECO ELIMINA O PATO

169
 

Convertendo todas as cobranças, equipe de Beltrão vai à final contra o Foz.

O Cresol/Marreco Futsal eliminou o Pato Futsal, na noite de quarta-feira, 12, nos pênaltis, e vai à segunda final consecutiva da Série Ouro do Paranaense de Futsal. Após o empate em 3 a 3 no tempo normal, o time de Francisco Beltrão converteu todas as cobranças e contou com a defesa de Quinzinho no chute de Di Maria para se classificar.

O primeiro tempo começou com o Marreco indo pra cima e Dener acertando a trave. A marcação alta do Pato Futsal dificultava as saídas de bola, mas, aos 10 minutos, em uma boa subida ao ataque, Dener deu uma cavadinha e Emerson completou para o gol, abrindo o placar para o Marreco.

Aos 13 minutos, o Pato acionou Djony na linha, sem sucesso nas primeiras jogadas. O gol de empate saiu no minuto seguinte, com Ernandes, que roubou a bola na frente da área de Di Fanti e acertou um belo chute: 1 a 1.

O Marreco não se abalou e logo marcou o segundo, após cobrança de lateral, com chute de primeira de Pedro Rei e desvio em Batalha. Djony voltou a ajudar na linha e acertou a trave faltando 3 minutos, mas o primeiro tempo terminou 2 a 1 para o Marreco.

No tempo normal empate em 3 a 3, nas penalidades 5 a 3 para a equipe beltronense.
(Foto de José Delmo Menezes Junior/JdeB)

 

Na segunda etapa, com um minuto, Sol Sales roubou a bola no meio da quadra e Dener ampliou para o Marreco. Aos 15, Alemão aproveitou falha de marcação e tocou para Well, livre, diminuir.

O jogo seguiu com cautela de ambas as equipes. As saídas de Djony voltaram a levar perigo à defesa e, a menos de 5 minutos, Sol Sales errou passe na saída de bola e Well marcou mais um para o Pato, empatando em 3 a 3. A poucos segundos do fim, Pedro Rei ainda acertou a trave, mas a decisão foi mesmo para os pênaltis.

 

Como manda a cartilha


As cobranças do Marreco Futsal seguiram à risca a cartilha de bons batedores: chutes fortes e variando entre rasteiros e no alto. Fabiano Assad, Dener, Emerson, Sol Sales e Sinoê balançaram a rede. Do lado do Pato, Neguinho, Caio Jotinha e Rafinha marcaram, mas Di Maria - autor do gol do título na LNF - parou nas mãos de Quinzinho.

O resultado de 5 a 3 coloca o Marreco na final da competição, contra o Foz Cataratas. O primeiro jogo será sábado, 15, às 16h55, em Foz do Iguaçu, e a grande decisão será quarta-feira, 19, às 18h55. no Ginásio Arrudão.

Por Aline Leonardo - Jornalista do Jornal de Beltrão e Comentarista da Rádio Onda Sul FM

TALVES VOCÊ SE INTERESSE

ARTIGOS RELACIONADOS

A alimentação dos pais serve como modelo para os filhos, influenciando o...

CVV é um dos mobilizadores de ações por todo o país Setembro é o mês...

No Clássico das Penas, melhor para o Marreco. Na noite desta quinta-feira,...

UMA NOVA MANEIRA DE PENSAR A COZINHA É UMA ESTRATÉGIA NO RESGATE DE UMA V...

O Ultimate escalou Luigi Vendramini, que fará sua estreia na organização...

Francisco Beltrão está construindo uma das maiores e mais modernas agênc...

Hoje convive-se com a enxurrada das mídias sociais, seja para cunho pessoa...

Como anda sua relação com você mesma? Você vê qualidades em si ou pens...

0 Comentários

DEIXE O SEU COMENTÁRIO PARA ESSE ARTIGO