17 de julho de 2019

MAIS VOCÊ

BIOSEGURANÇA NA MICROPIGMENTAÇÃO

2400

A IMPORTANCIA DO USO DE EPI´S E MATERIAIS DESCARTÁVEIS NA MICROPIGMENTAÇÃO

Para realizar um procedimento de micropigmentação não basta somente o profissional ter formação e bons conhecimentos de medidas, desenho ou colorimetria, é de extrema importância que ele tenha conhecimento em Biosseguranças para sua segurança e de seu cliente.
O procedimento de micropigmentação, além de elevar a autoestima devido à beleza e naturalidade que causa, também é um interesse de saúde, pois ao ferir a pele para implantar pigmento, torna-se um procedimento invasivo, que incluem riscos de infecções e contaminações.
Esses riscos podem ser eliminados utilizando as práticas de Biossegurança que é o conjunto de procedimentos voltados para a prevenção e que tem como finalidade a proteção e a segurança do profissional e do cliente.

Atente-se aos seguintes itens:

- CONTAMINAÇÃO CRUZADA
Contaminação cruzada é um termo utilizado para referir-se à transferência de microrganismos de uma pessoa (ou objeto) para outra pessoa, resultando em uma infecção. Podemos nos contaminar em contato direto com outra pessoa e de maneira indireta através de instrumentais que não tiveram o devido cuidado de esterilização e desinfecção.
- HIGIENE DAS MÃOS
As mãos constituem a principal via de transmissão de microrganismos durante a assistência prestada aos clientes, pois a pele é um possível reservatório de diversos microrganismos, que podem se transferir de uma superfície para outra, por meio de contato direto (pele com pele), ou indireto, através do contato com objetos e superfícies contaminados, por isso a lavagem das mãos é a medida individual mais simples e menos dispendiosa para prevenir a propagação das infecções e deve ser feita antes e depois de qualquer procedimento.

- EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL (EPIS)
É todo dispositivo ou produto, de uso individual utilizado pelo trabalhador, destinado à proteção contra riscos capazes de ameaçar a sua segurança e saúde, como a de seus clientes e são regulamentados pelo Ministério do Trabalho, através da Norma Regulamentadora (NR) N° 6.
Os principais EPIs para o profissional de micropigmentação são:

- TOUCA:
Previne contra gotículas e que próprio cabelo caia na pele ferida, podendo infeccionar a área micropigmentada do cliente;

LUVAS DESCARTÁVEIS:
Proteção das mãos contra agentes biológicos, usada durante todo procedimento, e descartadas logo após.

- MASCARA:
proteção respiratória, descartada após o uso.

- LENÇOL:
de uso individual, trocado á cada cliente.
- JALECO:
protegem de microrganismos, produtos químicos e calor.

- ROUPAS:
É indicado que o profissional da área de estética use roupas brancas, Calça longa, sapato fechado: Proteção para pés e pernas contra agentes químicos, cortantes e perfurantes.

- LOCAL DE ATENDIMENTO: recomendações da ANVISA de como deve ser o espaço de atendimento:

Edificação sólida, sem rachaduras, infiltrações, vazamentos ou outras alterações que comprometam sua estrutura física;
Boas condições de iluminação e ventilação, natural ou artificial;
Pia com bancada e água corrente para limpeza de materiais;
Bancada para o preparo, desinfecção ou esterilização de materiais e disposição de equipamentos;
Proteção contra entrada de insetos, roedores e outros animais;
Mobiliários e bancadas em bom estado de conservação, revestidos com materiais impermeáveis, de fácil limpeza, desinfecção, resistentes a produtos químicos e devem estar distribuídos de modo a facilitar a circulação de pessoas;
Grande parte dos instrumentos e produtos utilizados na área profissional é de uso único e descartável. Outros utensílios e equipamentos como tesouras, macas e carrinhos devem passar por limpeza e desinfecção antes e após o uso, além de serem protegidos com plástico filme

·LIMPEZA
Remoção física das sujidades (água, sabão ou detergente).
·Desinfecção – Destruição total dos microorganismos em sua forma vegetativa (quartenário de amônia, cloro ativo, álcool).
·Esterilização – destruição de todas as formas de vida microbiana – agentes físicos e químicos.

MATERIAS:

DERMÓGRAFO:
Cabeçote removível para esterilização e encapado com plástico filme na hora do atendimento.
TEBORI:
Cabeçote removível para esterilização e encapado com plástico filme na hora do atendimento.

 

AGULHAS E LÂMINAS:
Descartáveis, sendo mostrada para a cliente antes do uso e descartada na frente da mesma.
PIGMENTOS:
Com Registro da ANVISA, seguindo verificação da cito toxicidade, genotoxidade, toxidade crônica e carcinogenicidade, embalagem sem risco de contaminação.

BADOQUE:
descartável, onde o pigmento é colocado.

LIXO PERFURO-CORTANTE: embalagem amarela descarpack e outros materiais contaminantes descartar em saco branco, recolhido por uma empresa coletora.
Roteiro do atendimento:
· Higienizar as mãos;
· Higienizar a bancada, maca e cadeira, forrar com filme de PVC para que não haja contato.
· Montar a bancada, dispondo o pigmento que será usado em recipiente descartável, borrifador com água e sabão bactericida, algodões, etc.
· Proteger com PVC os utensílios que estão dispostos sobre a bancada, como os borrifadores, máquina (demógrafo ou tebori), fonte de energia, etc.
· Para iniciar o procedimento higienizar as mãos e calçar as luvas e demais EPI's.
· Durante o procedimento evitar manusear objetos que não estejam protegidos pelo plástico PVC.
· Ao terminar o procedimento retirar as proteções de PVC utilizadas nos utensílios anteriormente citados.
· Os resíduos do processo devem ser descartados em saco branco leitoso e encaminhados ao coletor de resíduo de saúde. As agulhas e lâminas devem ser descartadas no coletor de materiais perfuro cortantes.
· Após desmontar bancada, maquina, maca, utensílios e periféricos, limpar tudo inclusive as mãos.
· Higienizar o piso da sala de procedimento.

Com essas medidas de segurança diminui os riscos das doenças mais comuns transmitidas na micropigmentação como hepatite e AIDS.

Responsabilidade do profissional

O profissional deve estar atento e seguir todo o protocolo estabelecido, realizando com responsabilidade os procedimentos de limpeza e desinfecção, garantindo efetividade segurança e qualidade do processo. Ele também deve estar paramentado com os EPIs necessários e responsabilizar-se pelo local e procedimento executado, garantindo a segurança do seu cliente e sua própria segurança.

Quer saber mais sobre meu trabalho, convido a curtir minha página e ficar por dentro de tudo que rola nesse mundo da micropigmentação

TALVES VOCÊ SE INTERESSE

ARTIGOS RELACIONADOS

Chegando, então, mais um dia das mães! Na verdade, é pura simbologia, po...

A alimentação dos pais serve como modelo para os filhos, influenciando o...

Na nossa rotina clínica é muito comum atendermos cães e gatos com presen...

Apartamentos e Salas Comerciais para Locação

Integrante da seleção brasileira que disputou a Copa do Mundo da Colômbi...

É a perda involuntária de urina. Varia de um pequeno escape ocasional at�...

Conheça a Colunista Priscila Ghedin

A cooperativa está promovendo, nesta semana, três eventos na cidade, com...

1 Comentários

DEIXE O SEU COMENTÁRIO PARA ESSE ARTIGO