23 de julho de 2021

MAIS VOCÊ

AS PRINCIPAIS DISFUNÇÕES SEXUAIS E COMO ENFRENTÁ-LAS

869

Para muitos casais nesta época de comemorações é vista como traumas, baixa autoestima, frustração, entre outros sintomas que acarretam quem tem disfunções sexuais. Para muitos casais nesta época de comemorações é vista como traumas, baixa autoestima, frustração, entre outros sintomas que acarretam quem tem disfunções sexuais. 


Disfunção sexual é caracterizada quando a dificuldade sexual causa estresse, angústia ou incômodo.   Entende-se que há disfunção apenas quando a situação passa a prejudicar o bem-estar mental do parceiro/a.  Além disso, o problema deve estar persistindo há pelo menos seis meses.As causas para as disfunções são multifatoriais e incluem componentes biopsicossociais (biológicos, psicológicos e sociais). Vivências, experiências e educação sexual influenciam no seu desenvolvimento. Mulheres em períodos como o pós-parto, a menopausa e o climatério podem ter maior desconforto ou outras queixas devido à oscilação hormonal. 
Vítimas de violência sexual ou com traumas relacionados à própria sexualidade também têm maiores chances de terem dificuldades para retomarem uma vida sexual saudável.O que poucos sabem é que alguns alimentos auxiliam aumentando os desejos sexuais diminuindo as disfunções. 


Por isso preparei para você 10 alimentos afrodisíacos, use sua criatividade e os consuma frequentemente. 


1. Pimenta vermelha, a qual surgiu para apimentar a relação, rica em capsaicina, substancia que aumenta a circulação e disposição.


2. Aspargo contém um muito nutriente, rico em vitamina B3 e serotonina hormônio do bem estar e felicidade.


3. Chocolate amargo é excelente como ceia,  ele contém o aminoácido arginina, o qual contribui para vasodilatação, atração e bem estar.


4. Mel auxilia nos níveis de estrogênio e testosterona, dai que surgi a expressão lua de mel. 


5. Suco de romã, 200ml ao dia durante 15 dias aumenta os níveis de testosterona a qual ainda ajuda na serotonina.  


6. Banana, rica em serotonina e potássio entre outros, ajudam aumentar o libido masculino. Promovendo a vasodilatação.


7. Sementes em geral, aumentam os níveis de óleos que fazem bem a saúde. 


8. Salmão e atuam, ricos em ômega 3, aumentam a produção de hormônios sexuais e auxiliam no libido.


9. Abacate, rico em vitamina E entre outros que melhoram o humor e serotonina.


10. Mão, rico em estrogénio que auxiliam contra esterilidade. 

Esses são os alimentos que agem em médio e longo prazo, então não adianta comer muito e poucas vezes. Mas sim,  lembre-se sempre tenha: uma pessoa bacana ao seu lado para testar os resultados, consuma estes alimentos me longo prazo e em quantidades equilibradas. Cuide qual seu vinculo social, pensamentos e ações que vem tomando. 

TALVES VOCÊ SE INTERESSE

ARTIGOS RELACIONADOS

Se você cede ao instinto de querer ter sempre a última palavra, no final...

Um estudo sobre casais feito pela Universidade do Estado de Utah em parceri...

Apartamentos e Salas Comerciais para Locação

Hoje convive-se com a enxurrada das mídias sociais, seja para cunho pessoa...

No final do último ano as cooperativas filiadas ao Sistema Cresol Baser cr...

O técnico será Ivair Cenci, conhecido como “Rei do acesso”. Com o nov...

Integrante da seleção brasileira que disputou a Copa do Mundo da Colômbi...

Desde muito cedo é ensinado pouco sobre a vida e como ela deve ser seguida...

0 Comentários

DEIXE O SEU COMENTÁRIO PARA ESSE ARTIGO